Você está no

BLOG DO ICOR

Music-Store-Etsy-Banner-2.png
06/jul/2020

Como a COVID-19 é transmitida?

  • O coronavírus, que provoca a COVID 19, pode ser transmitido de uma pessoa para outra. A transmissão pode ocorrer através de gotículas de saliva ou muco, expelidos pela boca ou narinas quando uma pessoa infectada tosse ou espirra.
  • A transmissão também pode ocorrer através de partículas virais transferidas ao apertar as mãos ou compartilhar um objeto, como por exemplo beber no mesmo copo que um portador do vírus.  
  • Na maioria das vezes, é evidente se uma pessoa está doente, mas já houve relatos de portadores do vírus ainda sem sintomas aparentes e que já podiam transmitir a doença.
  • Segundo a OMS deve-se manter uma distância de pelo menos 1 metro da pessoa com sintomas evidentes. 
  • Quarentenas e restrições de viagens atualmente em vigor em muitos países também se destinam a ajudar a quebrar a cadeia de transmissão.
  • As autoridades de saúde pública podem recomendar outras abordagens para pessoas expostas ao vírus, incluindo isolamento em casa e monitoramento de sintomas por um período de tempo (geralmente 14 dias), dependendo do nível de risco de exposição.  
  • Novas pesquisas sobre as formas de transmissão ainda estão sendo realizadas e a OMS continuará compartilhando as descobertas atualizadas. 
 

Pessoas sem sintomas podem transmitir o coronavírus?

  • O risco de ser contaminado por uma pessoa sem sintomas é baixo. No entanto, muitas pessoas sentem apenas sintomas leves, especialmente nos estágios iniciais. 
  •  Por isso, é possível pegar COVID-19 de alguém que teve apenas uma tosse leve sem se sentir doente, por exemplo.
 

Produtos vindos da China podem conter o vírus?

  • Não. O Ministério da Saúde afirma que não há nenhuma evidência que produtos enviados da China para o Brasil tragam o novo coronavírus. Não há razão para suspeitar que os pacotes da China abrigam COVID-19. Lembre-se, este é um vírus respiratório semelhante ao da gripe. Não paramos de receber pacotes da China durante a temporada de gripe. Devemos seguir a mesma lógica para esse novo patógeno.
  • Entretanto, é possível que o vírus possa estar viável em superfícies frequentemente tocadas, como uma maçaneta de porta por exemplo, embora informações precoces sugiram que partículas virais provavelmente sobreviverão por apenas algumas horas, de acordo com a OMS.
  • Assim, as medidas preventivas pessoais, como lavar frequentemente as mãos com água e sabão ou com um desinfetante à base de álcool e limpar as superfícies frequentemente tocadas com desinfetantes ou um spray de limpeza doméstico, são altamente recomendáveis.
 

Humanos podem ser contaminados por coronavírus por fonte animal?

  • Coronavírus é uma família de vírus comuns em animais.
  • Ocasionalmente, pessoas são infectadas com esses vírus e podem transmitir para outras pessoas.
  • O vírus SARS-CoV, por exemplo, foi associado a civetas (uma espécie de gato selvagem) e o MERS-CoV a dromedários.
  • Possíveis fontes animais de COVID-19 ainda não foram confirmadas. 
  • Para se proteger, evite contato direto com animais selvagens e com superfícies em contato com eles e mantenha boas práticas de segurança alimentar ao manusear carnes cruas.
  • Não há evidências de que animais domésticos, como gatos ou cães, tenham sido infectados ou possam transmitir o vírus que causa a COVID-19.

 

 

Fonte: Via- Unimed Brasil, Ministério da Saúde, Hospital Albert Einstein, Hospital São Domingos, UOL Notícias

 

Faça a sua parte e previna-se!
O Icor estará sempre disponível para o ajudar!

📌 Rua José Bonifácio, 2355 – Sala 105 – Policlínica Wilson Aita.
📞 (55) 3217-1919

📌 Rua Pinheiro Machado, 2380. Bloco A. Salas 203 e 204.
📞 (55) 3222-1333

📌 Av. Presidente Vargas, 2291- Subsolo do Hospital de Caridade.
📞 (55) 3222-9888

Ou fale conosco através dos nossos canais digitais:
📧 icor@icor.com.br

 

Aqui no Icor, você encontra a melhor assistência e qualidade no atendimento. Nossas unidades realizam exames cardiológicos, vasculares, de cateterismo cardíaco e vascular com diagnósticos seguros e confiáveis.

Além disso, contamos com uma equipe médica altamente qualificada. São profissionais com grande experiência nas suas áreas de atuação e um quadro de funcionários que fornecem todo o suporte que o paciente merece e busca na hora de realizar seus exames.

Os textos publicados em nosso Blog têm caráter informativo e suas informações não substituem a consulta com especialistas. Para mais informações sobre o tema, entre em contato com um médico e tire suas dúvidas.

Acesse nosso site e confira a lista completa de exames e os nossos profissionais.


CORONA.png
06/jul/2020

O que é o coronavírus?

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), coronavírus é uma família de vírus que pode causar doenças em animais ou humanos. Em humanos, esses vírus provocam infecções respiratórias que podem ser desde um resfriado comum até doenças mais severas como a Síndrome Respiratória do Oriente Médio (MERS) e a Síndrome Respiratória Aguda Grave (SARS). O novo coronavírus causa a doença chamada COVID-19.

Entenda o que é COVID-19:  é a doença infecciosa causada pelo mais recente coronavírus descoberto. O vírus e a doença eram desconhecidos antes do surto iniciado em Wuhan, na China, em dezembro de 2019.

Os sintomas mais comuns da COVID-19 são:

  • febre
  • cansaço
  • tosse seca

Houve alguns relatos de sintomas gastrointestinais (náusea, vômito e diarreia) antes da ocorrência de sintomas respiratórios, mas esse é principalmente um vírus respiratório. Alguns pacientes podem também apresentar dores, congestão nasal, coriza e dor de garganta. Os sintomas geralmente são leves e começam gradualmente. 

Até o momento, a maioria das pessoas que ficaram doentes se recuperaram do COVID-19. O tempo de recuperação varia e, para pessoas que não estão gravemente doentes, pode ser semelhante ao período de duração de uma gripe comum.

Pessoas que desenvolvem pneumonia podem levar mais tempo para se recuperar (dias a semanas).
Pessoas com febre (maior que 37,8ºC), tosse e dificuldade para respirar e que tiverem viajado ou tido contato com pessoas vindas de países com transmissão local devem procurar atendimento médico.

Qual a gravidade do COVID-19? 

  • Algumas pessoas infectadas pelo vírus podem não apresentar sintomas ou apresentar sintomas discretos. A maioria das pessoas infectadas (cerca de 80%) se recupera da doença sem precisar de tratamento especial.
  • Cerca de uma em cada seis pessoas com COVID-19 pode desenvolver a doença em sua forma mais grave.

Pessoas idosas e/ou com comorbidades, ou seja, outras doenças associadas como por exemplo:

  • pressão alta
  • problemas cardíacos
  • diabetes
  • pessoas em tratamento para câncer, têm maior probabilidade de desenvolver doença respiratória grave.
Fonte: Via- Unimed Brasil, Ministério da Saúde, Hospital Albert Einstein, Hospital São Domingos, UOL Notícias

 

 

Faça a sua parte e previna-se!
O Icor estará sempre disponível para o ajudar!

📌 Rua José Bonifácio, 2355 – Sala 105 – Policlínica Wilson Aita.
📞 (55) 3217-1919

📌 Rua Pinheiro Machado, 2380. Bloco A. Salas 203 e 204.
📞 (55) 3222-1333

📌 Av. Presidente Vargas, 2291- Subsolo do Hospital de Caridade.
📞 (55) 3222-9888

Ou fale conosco através dos nossos canais digitais:
📧 icor@icor.com.br
🌐 http://www.icor.com.br/

 

Aqui no Icor, você encontra a melhor assistência e qualidade no atendimento. Nossas unidades realizam exames cardiológicos, vasculares, de cateterismo cardíaco e vascular com diagnósticos seguros e confiáveis.

Além disso, contamos com uma equipe médica altamente qualificada. São profissionais com grande experiência nas suas áreas de atuação e um quadro de funcionários que fornecem todo o suporte que o paciente merece e busca na hora de realizar seus exames.

Os textos publicados em nosso Blog têm caráter informativo e suas informações não substituem a consulta com especialistas. Para mais informações sobre o tema, entre em contato com um médico e tire suas dúvidas.

Acesse nosso site e confira a lista completa de exames e os nossos profissionais.


coronavirus.png
06/jul/2020

A declaração da OMS sobre a pandemia do coronavírus é um alerta para cuidarmos na nossa saúde. Há mais de 115 países com casos declarados da infecção.

A doença causada pelo novo coronavírus, Covid-19, pode provocar sérios problemas respiratórios.

Queremos ressaltar que todos devem adotar atitudes de prevenção para evitar a proliferação do vírus, independente de não pertencer ao público mais vulnerável.

Entre as principais medidas, estão:

 Lave bem as mãos água e sabonete por, pelo menos, 20 segundos, e utilizar toalhas de papel para secá-las.

 Utilizar álcool gel tanto para higienizar as mãos, como demais objetos que forem tocados.

 Evite tocar nos olhos, nariz e boca caso as suas mãos não estiverem limpas;

 Evite contato próximo com pessoas doentes;

 Procure ficar em casa enquanto estiver gripado;

 Cubra a boca e o nariz ao tossir ou espirrar com um lenço descartável;

 Evite frequentar lugares com aglomerações;

 Evite compartilhar chimarrão, copos e canecas.

É importante salientar que caso você apresente sintomas como febre, coriza, tosse seca e falta de ar procure uma unidade de saúde.

Faça a sua parte e previna-se!
O Icor estará sempre disponível para o ajudar!

📌 Rua José Bonifácio, 2355 – Sala 105 – Policlínica Wilson Aita.
📞 (55) 3217-1919

📌 Rua Pinheiro Machado, 2380. Bloco A. Salas 203 e 204.
📞 (55) 3222-1333

📌 Av. Presidente Vargas, 2291- Subsolo do Hospital de Caridade.
📞 (55) 3222-9888

Ou fale conosco através dos nossos canais digitais:
📧 icor@icor.com.br

 

 

Fonte: Agência Brasil

 

Aqui no Icor, você encontra a melhor assistência e qualidade no atendimento. Nossas unidades realizam exames cardiológicos, vasculares, de cateterismo cardíaco e vascular com diagnósticos seguros e confiáveis.

Além disso, contamos com uma equipe médica altamente qualificada. São profissionais com grande experiência nas suas áreas de atuação e um quadro de funcionários que fornecem todo o suporte que o paciente merece e busca na hora de realizar seus exames.

Os textos publicados em nosso Blog têm caráter informativo e suas informações não substituem a consulta com especialistas. Para mais informações sobre o tema, entre em contato com um médico e tire suas dúvidas.

Acesse nosso site e confira a lista completa de exames e os nossos profissionais.


ECODOPPLER.png
06/jul/2020

Entre os exames de diagnóstico do sistema venoso e arterial, o principal deles é o Ecodoppler colorido. Dotado de uma tecnologia de ponta e da utilização do ultrassom, o equipamento é capaz de reproduzir imagens de impressionante sensibilidade, especificidade e, acima de tudo, refletindo a dinâmica do organismo.

Ecodoppler Arterial de Membros

É um exame de ultrassonografia que tem por finalidade pesquisar as doenças nas artérias maiores de membros inferiores ou superiores. O exame auxilia na identificação da doença isquêmica periférica, no planejamento cirúrgico e no tratamento de afecções arteriais de membros.

 

Ecodoppler de Aorta Abdominal

É um exame não invasivo, realizado com ultrassom que tem como objetivo, estudar a posição anatômica, o tamanho e a forma da aorta abdominal, assim como, avaliar doenças ateroscleróticas, aneurisma e obstruções. Todo o processo do ecodoppler de aorta abdominal  é documentado com fotos e entregue ao paciente junto ao laudo.

Ecodoppler de Aorta e Ilíacas

A ultrassonografia com doppler colorido de aorta e ilíacas é um exame não invasivo, que permite analisar as artérias aorta e ilíacas e seu respectivo fluxo sanguíneo.

Avalia com mais precisão doenças, como: ateroscleróticas, aneurismas, obstruções, entre outras. O método não utiliza nenhum tipo de radiação e também não apresenta efeitos colaterais

Ecodoppler de Artérias Renais

É um exame de ultrassonografia (realizado nas artérias) com a finalidade de pesquisar o fluxo nas artérias renais, desde a aorta abdominal até o rim, procurando identificar áreas de estreitamento nestes vasos que, quando apresentam entupimentos, podem provocar elevação da pressão arterial.

Ecodoppler de Artérias Viscerais do Abdômen

Acima de 100 kg- Passar preparo do Ilíaco

É um exame de ultrassom muito utilizado na avaliação dos vasos sanguíneos e suas doenças. O procedimento é indolor, não invasivo e auxilia diagnosticar a causa dos sopros abdominais.  Além disso, investiga suspeitas de aneurisma nos vasos viscerais, de síndrome de compressão das artérias celíacas e de insuficiência intestinal.

Ecodoppler de Carótidas e Vertebrais

É um exame complementar de diagnóstico, não invasivo que utiliza a ultrassonografia para visualizar os vasos cervicais, artérias responsáveis por conduzir o sangue ao cérebro e face. O ecodoppler de carótidas e vertebrais  permite avaliar se há um espessamento do revestimento interno das artérias, a presença de placas de gordura e estreitamentos destes vasos.

Ecodoppler de Subclávias e Jugulares

O ecodoppler de subclávias e jugulares tem o propósito de estudar a circulação sanguínea das veias do pescoço. O exame permite detectar a presença de tromboses nessa região, (obstruções/ estreitamentos), assim como, auxilia na escolha de locais para colocação de cateteres centrais (quimioterapia/ hemodiálise).

Ecodoppler Vascular

O ecodoppler vascular também chamado de ultrassom vascular ou ecografia vascular, é um exame de ultrassonografia, não invasivo, rápido e que permite analisar o fluxo de sangue que circula nos vasos sanguíneos (veias e artérias) de diversas regiões do corpo, tais como:

  • Pescoço (carótidas)
  • Braços
  • Pernas
  • Abdome (órgãos abdominais)
  • Coração

 

Ecodoppler Venoso

É um exame de ultrassonografia, não invasivo que analisa o funcionamento das veias que drenam o sangue dos membros inferiores e superiores (braços e pernas) de volta ao coração.

O procedimento permite a visualização do sistema venoso profundo, superficial e de veias perfurantes do membro, aprimorando o diagnóstico e tratamento de varizes, as quais podem causar edema (inchaço) e desconforto nas pernas.

O Doppler Vascular tornou-se de extrema importância, que na prática, não se indicam mais cirurgias de varizes sem antes o paciente realizar o exame.

 

 

Aqui no Icor, você encontra a melhor assistência e qualidade no atendimento. Nossas unidades realizam exames cardiológicos, vasculares, de cateterismo cardíaco e vascular com diagnósticos seguros e confiáveis.

Além disso, contamos com uma equipe médica altamente qualificada. São profissionais com grande experiência nas suas áreas de atuação e um quadro de funcionários que fornecem todo o suporte que o paciente merece e busca na hora de realizar seus exames.

Os textos publicados em nosso Blog têm caráter informativo e suas informações não substituem a consulta com especialistas. Para mais informações sobre o tema, entre em contato com um médico e tire suas dúvidas.

Acesse nosso site e confira a lista completa de exames e os nossos profissionais.


cc.jpg
06/jul/2020

A doença vascular periférica (DPV) também é chamada de aterosclerose e conhecida popularmente como endurecimento das artérias.

Ela se caracteriza pelo estreitamento ou pelo bloqueio das veias em importantes regiões do corpo, como nos membros inferiores, e afeta as artérias que fornecem o sangue para os músculos da perna.

Geralmente ela se dá por acúmulo de gorduras e cálcio nas paredes internas das artérias.

Em caso de suspeita de doença vascular periférica, geralmente o médico solicita uma série de exames para diagnóstico, como:
 índice tornozelo-braquial (ITB),
 teste ergométrico,
 ressonância magnética (IRM),
 tomografia computadorizada,
 angiografia.

O ICOR conta com médicos especialistas para consultas e equipamentos ultramodernos e eficientes para diagnóstico.

Agende sues exames:
📞 (55) 3222-1333
📧 icor@icor.com.br
🌐 http://www.icor.com.br/

Fonte: Medtronic

Aqui no Icor, você encontra a melhor assistência e qualidade no atendimento. Nossas unidades realizam exames cardiológicos, vasculares, de cateterismo cardíaco e vascular com diagnósticos seguros e confiáveis.

Além disso, contamos com uma equipe médica altamente qualificada. São profissionais com grande experiência nas suas áreas de atuação e um quadro de funcionários que fornecem todo o suporte que o paciente merece e busca na hora de realizar seus exames.

Os textos publicados em nosso Blog têm caráter informativo e suas informações não substituem a consulta com especialistas. Para mais informações sobre o tema, entre em contato com um médico e tire suas dúvidas.

Acesse nosso site e confira a lista completa de exames e os nossos profissionais.


III.jpg
06/jul/2020

A doença arterial coronariana, chamada também de doença coronária, é diagnosticada quando ocorre uma irrigação inadequada do sangue até o músculo cardíaco.

É conhecida popularmente como artéria bloqueada e é causada pelo depósito de gorduras dentro das artérias.

De forma geral, os homens podem apresentar ela 10 anos antes do que as mulheres, mas toda doença pode ser prevenida com as visitas periódicas ao médico.

Consulte regularmente o seu cardiologista e mantenha a saúde do seu coração em dia! 💖

Agende seus exames:
📍 Av. Presidente Vargas, 2291- Subsolo do Hospital de Caridade.
📞 (55) 3222 9888
📧 icor@icor.com.br
🌐 http://www.icor.com.br/

 

Aqui no Icor, você encontra a melhor assistência e qualidade no atendimento. Nossas unidades realizam exames cardiológicos, vasculares, de cateterismo cardíaco e vascular com diagnósticos seguros e confiáveis.

Além disso, contamos com uma equipe médica altamente qualificada. São profissionais com grande experiência nas suas áreas de atuação e um quadro de funcionários que fornecem todo o suporte que o paciente merece e busca na hora de realizar seus exames.

Os textos publicados em nosso Blog têm caráter informativo e suas informações não substituem a consulta com especialistas. Para mais informações sobre o tema, entre em contato com um médico e tire suas dúvidas.

Acesse nosso site e confira a lista completa de exames e os nossos profissionais.


bana.jpg
06/jul/2020

A banana é a fruta mais consumida no Brasil e a segunda preferida no mundo. 🍌

Ela é um alimento altamente nutritivo, tem preço baixo e é encontrada em todo o país.

Além de saborosa e nutritiva, ela é rica em potássio e ajuda o coração!

Pesquisadores da Universidade do Alabama, nos EUA, foram os pioneiros a identificar que a ausência de potássio promove a rigidez nas artérias.

Dessa forma, ingerir banana, fonte natural de potássio, pode ajudar na prevenção da calcificação vascular, o popular entupimento das artérias, reduzindo os riscos de AVC.

Além da ingestão de alimentos saudáveis, as consultas periódicas são essenciais para prevenção, diagnóstico e controle das doenças cardíacas.

O ICOR cuida do seu coração! 

Agende seus exames:
📞 (55) 3222-1333
📧 icor@icor.com.br

Fonte: Mood

 

Aqui no Icor, você encontra a melhor assistência e qualidade no atendimento. Nossas unidades realizam exames cardiológicos, vasculares, de cateterismo cardíaco e vascular com diagnósticos seguros e confiáveis.

Além disso, contamos com uma equipe médica altamente qualificada. São profissionais com grande experiência nas suas áreas de atuação e um quadro de funcionários que fornecem todo o suporte que o paciente merece e busca na hora de realizar seus exames.

Os textos publicados em nosso Blog têm caráter informativo e suas informações não substituem a consulta com especialistas. Para mais informações sobre o tema, entre em contato com um médico e tire suas dúvidas.

Acesse nosso site e confira a lista completa de exames e os nossos profissionais.


mitos-verdades.png
06/jul/2020

Popularmente conhecido como derrame cerebral, o AVC é causado pela falta de sangue em determinada área do cérebro decorrente da obstrução dessa artéria ou por sangramento devido ao rompimento de um vaso sanguíneo.

De acordo com a Organização Mundial de Saúde o AVC é responsável a cada ano pela morte de cinco milhões de pessoas no mundo. No Brasil, a doença mata mais que o infarto: são mais de 100 mil pessoas por ano, segundo o Ministério da Saúde.

Principais causas para ter a doença:

  • hipertensão arterial,
  • aumento da idade.

 Os fatores de risco para a doença podem ser divididos em duas categorias: 

  • modificáveis,
  • não modificáveis.

Grupo dos modificáveis. Neste grupo as causas mais comuns são: 

  • hipertensão,
  • diabetes,
  • colesterol elevado,
  • tabagismo.

Grupo de não modificáveis. Neste grupo, os fatores de risco são: 

  • idade,
  • histórico familiar,
  • raça,
  • gênero,
  • Homens, negros e idoso são mais suscetíveis a ter um AVC por exemplo.

Principais sintomas da doença:

  • dificuldades para andar, falar e compreender,
  • paralisia ou dormência da face, do braço ou da perna.

Manter uma vida com hábitos saudáveis podem ajudar na recuperação, por isso, é importante controlar o colesterol, pressão arterial e níveis de açúcar no sangue.

Confira abaixo, algumas dicas para prevenir a doença:

  1. Não fume: o fumo duplica o risco de ter AVC e, por isso, abandonar de vez o cigarro é uma das medidas mais importantes para quem quer evitá-lo.
  2. Faça atividades físicas regularmente: uma simples caminhada de 30 minutos já diminui as possibilidades de padecer esse problema.
  3. Faça check-up preventivos: Homens e mulheres com mais de 35 anos são aconselhados a realizar exames preventivos pelo menos uma vez ao ano.
  4. Coma vegetais e frutas: uma alimentação saudável, que inclua vegetais e frutas, é fundamental para a saúde do coração e da corrente sanguínea.
  5. Reduza o consumo de sal: Não acrescente muito sal a saladas e comida em geral e evite alimentos processados, pois o sal eleva a pressão sanguínea.
  6. Controle familiar: se alguém na sua família já teve um AVC, é importante que você informe isso ao seu médico, para que ele possa fazer um controle de sua saúde, diminuindo ao máximo os riscos de que você também venha a sofrer um episódio parecido.
  7. Aumente o consumo de fibras: presentes nos cereais integrais, aveia, arroz e pães integrais etc., as fibras ajudam a controlar os níveis de gordura no sangue.
  8. Mantenha a pressão sob controle: A pressão alta ocupa o topo do ranking de maiores causas de acidente vascular cerebral.
  9. Controle seu peso: siga uma alimentação saudável, se necessário, com o acompanhamento de um nutricionista, para se manter no seu peso ideal. O sobrepeso e a obesidade são fatores de risco para pressão arterial alta, doença coronária e diabetes – que aumentam o risco de AVC.
  10. Faça uma consulta com o médico cardiologista: o seu médico pode tratar hipertensão arterial, diabetes, dislipidemia; conhecer a presença de fatores de risco, como estreitamento das artérias cervicais e arritmias como a fibrilação atrial (batimento irregular do coração) e tratá-los adequadamente são atitudes que ajudam a reduzir o risco de AVC.
Fonte: coracao.org.br


Aqui no Icor, você encontra a melhor assistência e qualidade no atendimento. Nossas unidades realizam exames cardiológicos, vasculares, de cateterismo cardíaco e vascular com diagnósticos seguros e confiáveis.

Além disso, contamos com uma equipe médica altamente qualificada. São profissionais com grande experiência nas suas áreas de atuação e um quadro de funcionários que fornecem todo o suporte que o paciente merece e busca na hora de realizar seus exames.

Os textos publicados em nosso Blog têm caráter informativo e suas informações não substituem a consulta com especialistas. Para mais informações sobre o tema, entre em contato com um médico e tire suas dúvidas.

Acesse nosso site e confira a lista completa de exames e os nossos profissionais.

 

icor3.jpg
06/jul/2020

Você sabe o que é Ecodoppler?

O Ecodoppler é uma das categorias da ultrassonografia, que é um método de produzir, em tempo real, imagens em movimento das estruturas e órgãos do corpo, em consequência do efeito Doppler, descoberto em 1852 pelo físico austríaco Johann Christian Andreas Doppler.

Doppler alegava que há uma alteração da frequência das ondas (sonoras ou outras) detectadas pelo observador em relação a aproximação ou afastamento entre ele e a fonte sonora.

E foi graças a ciência, que conseguiu transformar essa descoberta em imagens e utilizá-la a seu favor na medicina. E é por isso que hoje podemos obter imagens que permitem determinar o sentido e a velocidade de circulação do sangue nos vasos sanguíneos e nas cavidades cardíacas. O sentido do fluxo sanguíneo é mapeado nas cores azul e vermelha, conforme o sentido de circulação do sangue.

O exame chamado Ecodoppler passou então a ser um inestimável auxílio no estudo da circulação, sendo empregado não só no diagnóstico e acompanhamento de doenças, mas também na área da obstetrícia para seguimento e avaliação da gestante e do bebê. O procedimento pode ser empregado em qualquer porção circulatória, mas seu uso tem sido mais frequente na análise da circulação nas carótidas.

Como o exame é feito?

O exame consiste no paciente deitado em uma maca, o procedimento é feito por meio de um aparelho semelhante a uma lanterna, deslizado manualmente sobre a pele, o qual emite ondas sonoras imperceptíveis ao ouvido humano, que são captadas de volta como ecos emitidos pelas hemácias e transformadas em imagens. Um gel é aplicado sobre a região a ser examinada para permitir melhor contato e deslizamento do aparelho.

O tempo de duração do exame é de aproximadamente entre 30 e 60 minutos, e a precisão do diagnóstico é grande, sem falar que é um exame indolor e pode ser feito inúmeras vezes, permitindo um acompanhamento minucioso da evolução ou dos resultados terapêuticos de muitos quadros patológicos.

O exame geralmente é feito por um médico especialista em ultrassonografia e, na maioria das vezes, não é necessário nenhum preparo prévio ou, no máximo, um jejum de algumas horas, conforme o tipo de exame.

Qual o objetivo do exame?

O Ecodoppler fornece imagens dinâmicas, em tempo real, da rede vascular e do fluxo sanguíneo de diversas partes do corpo, sem usar nenhuma radiação e sem apresentar efeitos colaterais, possibilitando e contribuindo para o diagnóstico de várias patologias.

Já na gestação, o exame ajuda a determinar se os principais órgãos do feto estão sendo bem irrigados e com oxigenação normal, além de avaliar a circulação do cordão umbilical e do coração.

 

 

Fonte: radiologiara.com.br

 

Aqui no Icor, você encontra a melhor assistência e qualidade no atendimento. Nossas unidades realizam exames cardiológicos, vasculares, de cateterismo cardíaco e vascular com diagnósticos seguros e confiáveis.

Além disso, contamos com uma equipe médica altamente qualificada. São profissionais com grande experiência nas suas áreas de atuação e um quadro de funcionários que fornecem todo o suporte que o paciente merece e busca na hora de realizar seus exames.

Os textos publicados em nosso Blog têm caráter informativo e suas informações não substituem a consulta com especialistas. Para mais informações sobre o tema, entre em contato com um médico e tire suas dúvidas.

Acesse nosso site e confira a lista completa de exames e os nossos profissionais.


hipertensao.jpg
06/jul/2020

A hipertensão ou pressão alta, ocorre quando existe um aumento anormal da pressão que o sangue faz ao circular pelas artérias do nosso corpo. Uma pessoa é considerada hipertensa quando sua pressão fica maior ou igual a 14 por 9 na maior parte do tempo.

É uma doença silenciosa, na maioria das vezes, só apresenta sintomas quando está mais avançada, e as pessoas só suspeitam do quadro quando já apresentam alterações no organismo. O ideal, portanto, é detectá-la com exames. Por isso, é importante consultar um médico para saber se você é hipertenso.

 

 

 

Aqui no Icor, você encontra a melhor assistência e qualidade no atendimento. Nossas unidades realizam exames cardiológicos, vasculares, de cateterismo cardíaco e vascular com diagnósticos seguros e confiáveis.

Além disso, contamos com uma equipe médica altamente qualificada. São profissionais com grande experiência nas suas áreas de atuação e um quadro de funcionários que fornecem todo o suporte que o paciente merece e busca na hora de realizar seus exames.

Os textos publicados em nosso Blog têm caráter informativo e suas informações não substituem a consulta com especialistas. Para mais informações sobre o tema, entre em contato com um médico e tire suas dúvidas.

Acesse nosso site e confira a lista completa de exames e os nossos profissionais.

 


MARCA HORIZONTAL_ICOR.png 1

O Instituto do Coração de Santa Maria (ICOR) é referência na área da saúde. Há mais de 20 anos cuida do coração da cidade e região oferecendo um atendimento ético, humanizado e de qualidade.

2018 ICOR. Todos os direitos reservados. Desenvolvido pela Rede de Empreendedores.